Valores da empresa

Nossos cinco valores empresariais

BUSCA CONSTANTE DA EXCELÊNCIA

Para a Vacheron Constantin a busca da excelência é um estado de espírito, uma dinâmica que permeia todas as etapas da produção: da ideia inicial ao acabamento.

 

No setor da excelência relojoeira, o desafio que se coloca é adaptar a matéria-prima às exigências de precisão e meticulosidade, que são as garantias de uma qualidade excepcional e, portanto, do caráter atemporal e duradouro do produto. A busca do melhor norteia a mecânica de alta precisão. Até mesmo os primeiros esboços de um relógio são traçados em ambientes de alta tecnologia. A montagem das peças, a instalação na caixa e os diferentes protocolos de verificação são efetuados com a mesma disposição, sempre privilegiando a precisão e a qualidade. Trata-se de gestos que garantem a fiabilidade operacional que o serviço de manutenção tem sido capaz de preservar e implementar na criação de todos os relógios desde 1755.

 

PROMOVER A CRIATIVIDADE

Valor inerente à dinastia dos Vacheron Constantin, este princípio orienta todas as atividades desenvolvidas pela empresa. 

 

A promoção da criatividade na manufatura manifesta-se em diversos níveis. Na etapa de produção, essa atitude permite que a Vacheron Constantin invista em inovações técnicas e seja capaz de criar movimentos com grande variedade de complicações. As inovações estéticas são o produto desse estímulo, que assegura à empresa sua posição de vanguarda.

 

EMPRESA QUE ASSUME SUA RESPONSABILIDADE SOCIAL E SE ABRE PARA O MUNDO

A Vacheron Constantin, consciente de sua responsabilidade social, tem estabelecido parcerias importantes com a Arte e Cultura e fortes laços com a comunidade em geral no sentido de promover nossos valores em comum. A manufatura de nossos relógios e os componentes que fornecemos são realizados com consciência ética e de maneira responsável, e o exercício da atividade é praticado em harmonia com o meio ambiente e com a utilização sustentável dos recursos naturais.

 

RESPEITAR E TRANSMITIR AS TRADIÇÕES


Quando Jean-Marc Vacheron abriu sua primeira oficina em 1755, uma de suas primeiras iniciativas foi a contratação de um aprendiz. Seu gesto representava uma ideia fundamental: o desejo de transmitir o conhecimento técnico e a cultura relojoeira. Desde então, essa transmissão permite criar um know-how e uma experiência comuns, contribuindo para a construção de uma memória coletiva.

 

A consciência de uma história compartilhada pode então se desenvolver: estão lançadas as bases de uma sólida tradição. Tradição esta que adota os princípios essenciais da manufatura relojoeira, uma tradição que requer dos profissionais gestos precisos e gestos de outrora, ainda que datem de há 250 anos.

 

COMPARTILHAR NOSSA PAIXÃO


A paixão é um elemento essencial para produzir a alquimia que se opera entre os diferentes protagonistas capazes de criar, realizar e apresentar nossas peças de relojoaria excepcionais. Aliás, a plenitude da paixão pode ser alcançada sem o outro?

 

Assim sendo, ao transmitir seu entusiasmo e compartilhar sua paixão, os colaboradores, artesãos e fornecedores da Vacheron Constantin revelam-se os melhores embaixadores da Marca.